Tá difícil ir a restaurantes

“Querida, vamos sair para jantar?”
“Vamos em algum restaurante novo hoje?”
Pobre de mim. Ou do Juan.
Fomos conhecer o Pobre Juan do Village Mall, na Barra da Tijuca.
Carne para 2: R$150; porção de batatas: 26,00; caesar: 30,00.
Total da conta: 262,00 (sem sobremesa, sem entrada e com uma taça de vinho branco).
Simplesmente não dá mais para arriscar! Sai muito caro. Por esta grana, você espera que a experiência seja maravilhosa, que saia de lá dizendo, no mínimo: “uau, comemos bem!”
Não dá pra aceitar uma faca de carne sem corte. Uma salada caesar insossa, sem o menor resquício de anchova, feita com alface americana e na temperatura ambiente. Não dá! Talvez (ou com certeza) eu seja muito chato, mas o fato é que eu valorizo muito o dinheiro que eu gasto com comida.
Cada vez mais eu penso 2 vezes antes de me aventurar em um “novo” restaurante, a não ser que seja, é claro, pela companhia de bons amigos e não pela qualidade da comida. Pela comida eu tenho preferido ou ir no certo, aquele que já conhecemos e sabemos exatamente o que vamos encontrar ou então algum B&B (bom e barato) indicado por alguém. Pois neste caso, o risco não sai caro.

IMG_1813.JPG

IMG_1812.JPG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.