Entrevista com Diris Petribú | Arquitetura de Restaurantes | Parte 1

ALÔ, VOCÊ! Se prepara que o conteúdo de hoje é riquíssimo. Uma das partes que vão influenciar na sua operação de maneira direta é a ARQUITETURA do seu ponto. E quem fala sobre isso é a Diris Petribú, arquiteta especializada em arquitetura de restaurantes. Ela vai nos contar um poucos do que é uma planejamento ideal e nos dar dicas sobre escolha do ponto! VEM COM A GENTE!

O ponto de partida do sistema de restaurante é o menu e o conceito. Isso, além de ditar todo restante da sua operação, também irá ditar como funcionará a ARQUITETURA do seu local. Segundo a Diris, era muito comum que os donos de restaurante pensassem o restaurante de forma separada, a comida de um jeito, a cozinha de outro, o serviço de outro… No entanto, isso gera diversos entraves na operação. “Tudo tem que estar interligado”, reforça a arquiteta.

Planejamento e briefing

A cozinha é a parte mais complicada do projeto e é a que tem que ser mais planejada. É aqui onde vai acontecer toda a sua operação, então também é importante pensar nela antes de pensar na cozinha. Aqui você começa a ver como é importante ter um projeto INTEGRADO.

Para Diris, o briefing ideal é aquele já formatado e que, principalmente, tenha existido uma PESQUISA antes.

Escolha do ponto

Esse momento é primordial ao se pensar em arquitetura de restaurantes. Além da localização e do entorno, a parte interna também necessita de atenção com o olhar operacional. Quando você já sabe o que quer, suas escolhas serão mais assertivas. Não existe economizar tempo nessa hora, o planejamento inicial é primordial!

Conheça o trabalho incrível de nossa querida amiga arquiteta, Diris Petribú. Ou, se está precisando de ajuda na sua operação, não deixe de conferir os nossos CURSOS E MATERIAIS. Até semana que vem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.