Arroz de Pato

Quem aí já foi na casa de um amigo, se deparou com uma refeição inesquecível e saiu por aí compartilhando a receita com todo mundo?  SIM, todo mundo já passou por isso, inclusive meu brother-irmão-camarada Pujol, que caiu de amores por um ARROZ DE PATO feito por um amigo dele.

Ele então me desafiou a reproduzir a receita aqui no blog e, como sempre, missão dada é missão cumprida aqui nesta cozinha. Hoje eu estou mandando para vocês a minha versão da receita deste SABOROSÍSSIMO ARROZ DE PATO. Tá curioso? Então, VEM COMIGO:


INGREDIENTES (para 6 pessoas):

1 kg de coxa e sobrecoxa de pato
1/2 kg  de arroz Carolino ou parbolizado
200 g de bacon em pedaços
200 g de paio
200 g de tomate pelati
200 g de linguiça portuguesa
10 g de cabelinhos de açafrão
2 cebolas brancas médias
2 talos de salsão
1 cenoura
1 bandeja de cogumelo de Paris
1 maço de aspargos frescos
1 maço de salsinha picada
2 copos de vinho branco seco
Sal e Pimenta
Óleo de girassol
Caldo de galinha

PREPARO:

1. Prepare o caldo de galinha;
2. Pique o bacon, paio, tomate pellati, linguiça, açafrão e cenoura;
3. Em uma panela pequena ou em uma leiteira, faça o pré-cozimento dos aspargos. É importante que eles estejam em pé e com as pontinhas para fora da água;
4. Tempere as coxas e sobrecoxas de pato com sal e pimenta e doure-as na frigideira quente com um pouco de óleo de girassol. Separe o óleo que sobrou na frigideira. Reserve;
5. Em uma panela de pressão cozinhe o pato com cebola, salsão e cenoura, um pouco de caldo de galinha e alguns pedaços de bacon;
6. Enquanto o pato cozinha na pressão, em uma frigideira doure o paio e a linguiça portuguesa no óleo que sobrou da fritura do pato;
7. Na mesma frigideira, refogue os cogumelos e aspargos com um pouco de manteiga. Reduza com vinho branco e tempere com sal e pimenta do reino. Reserve;
8. Espere a panela de pressão apitar e depois de 15 minutos retire o bacon;
9. Deixe o pato por mais 15 minutos, ao ponto de poder desfiar bem a carne. Separar o caldo da cocção do pato. Reserve;
10. Desfie o pato e corte o bacon em pedaços pequenos. Reserve.
11. Em uma panela paellera ou em uma panela bem grande, refogue o arroz com cebola picada e alho;
12. Acrescente vinho branco, deixe reduzir e acrescente,  aos poucos, o caldo da cocção do pato;
13. Acrescente uma lata de tomate pelado cortado. Mexa;
14. Adicione o pato desfiado, a mistura de cogumelos e aspargos e o bacon em pedaços. Mexa;
15. Misture o açafrão, diluído em um pouco do caldo da cocção do pato. Mexa;
16. Acerte o sal e o ponto do arroz (úmido, quase no ponto de risoto);
17. Antes de servir, na própria paellera, disponha as rodelas de linguiça e paio por cima do arroz de pato. Polvilhe salsinha picada e UAU. Olha só esse visual incrível!

A mistura de ingredientes, texturas e aromas fazem da gastronomia o que ela é: um universo de prazeres pronto para ser descoberto e degustado. Se essa também é a sua praia, a sua paixão, que tal se dar uma chance de ousar?

Se você sonha em investir no seu talento e fazer da sua paixão pela cozinha um negócio  lucrativo, você precisa conhecer os cursos e materiais do Na Cozinha do Politi. Lá eu te explico, passo a passo, como criar um restaurante lucrativo e que tenha a sua cara. Forte abraço e até a semana que vem!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.