10 Mitos sobre ABRIR um restaurante

ALÔ, FOOD NATION! Todo mundo tem diversos motivos para querer abrir um restaurante, seja porque faz aquela lasanha deliciosa ou seja porque quer ter a autonomia de ser o próprio chefe. O vídeo de hoje pode parecer duro ou desmotivador, mas você precisa saber que esses NÃO SÃO BONS MOTIVOS para abrir um restaurante. Quanto antes saber da realidade de como é abrir um restaurante, menos riscos você correrá no futuro. BORA LÁ?

1. Abrir um restaurante é fácil

É só preparar uns pratos gostosos, abrir as mesas, servir os clientes e VOILA! Você terá sucesso com o seu restaurante. Pois bem, trago-lhe más notícias: não é nada, nada fácil.

É preciso muito planejamento detalhado e uma execução bem definida, pois se não, sabe o que acontece né? Quebra na certa.

2. “Vou ter um lugar para sair a noite com meus amigos!”

Algumas pessoas pensam que vão abrir um restaurante e ele estará rodeado de amigos todos os dias, quase como se fosse uma extensão da própria casa. Isso não vai acontecer.

Além disso, ficar batendo papo te impede de ver um monte de coisa que vai estar acontecendo e isso, futuramente, pode trazer muitos danos para o seu negócio.

3. Abrir um negócio com familiares é uma ótima ideia

Seu cunhado cozinha bem, então abrir um restaurante com ele vai ser um sucesso. Na-não. Família dentro do negócio não dá certo. Evite o quanto você puder esse esquema, fica muito difícil separar as relações familiares das profissionais depois.

4. Você vai ser a escolha do pedaço porque está chegando agora

Existem muitos fatores que levam as pessoas a frequentarem restaurantes, por isso focar apenas na novidade não é uma boa motivação. Foque em diferenciar seu conceito e sua operação para atrair a clientela.

5. Eu estudei na melhor escolha e estou super preparado

Ter estudado na melhor escola de culinária não vai te preparar para a gestão gastronômica. Na verdade, é o início da sua jornada, onde você ganha as suas bases. Mas, definitivamente, há muito caminho pela frente.

6. Você vai ser um chef celebridade

Você não vai começar agora e se tornar um chef celebridade. Quando você conversa com esses chefs famosos, você descobre que eles queimaram muito a mão e sofreram com chefs rígidos. Então, não fique esperando que você irá se tornar celebridade da noite pro dia.

7. Você cozinha algo muito bem e terá sucesso

Cozinhar bem uma lasanha, por exemplo, não basta para abrir um negócio. É preciso diversas habilidades e saber fazer um prato gostoso é apenas uma delas. Vejo muita gente entrando nessa onda e isso poderá trazer prejuízos no futuro por conta de mal planejamento.

8. Cortar a verba de marketing e publicidade porque o negócio está indo mal

Se você está indo mal, quer dizer que o movimento não está sendo o bastante para fechar as contas. Por isso, não faz sentido você cortar a verba de lugares que tem como função trazer novos clientes para você. Com certeza tem outras formas de reduzir o orçamento (mas não vale desligar o freezer, hein?)

9. Fazer o negócio com base em uma tendência

Sempre tem algum modelo de negócio que está na moda. Ás vezes pode ser bom de embarcar nessa onda para pegar o movimento que essa tendência traz, mas sempre tenha um plano B. Da mesma maneira que estoura rápido, também pode mudar mais rápido ainda.

10. Eu vou ter férias!

Bom, essa é a notícia mais triste de dar, mas você não terá férias. Também não poderá comemorar datas importantes com a família porque talvez sejam datas que seu restaurante estará super cheio. Tira da cabeça que você poderá viajar quando quer. A verdade é que você vai é trabalhar demais!

Sei que as dicas não são das mais animadoras, mas refletir sobre elas é se preparar para de fato o que virá. Logo, as chances de sucesso são mais altas do que quem cai nessas ilusões do mundo gastronômico. Conheça nossos CURSOS E MATERIAIS e melhore ainda mais a sua jornada gastronômica. Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.